Tivemos tantos momentos lindos
Inesquecíveis para mim!
Portanto incompreensíveis,
São as lágrimas que derramo por ti!

Se foram momentos de amor e prazer
porque não compreender
que foi bom enquanto durou?
Que passaram?
É que você é "meu amore mio", meu bem querer!

Jamais vou esquecer !
Tudo foi tão extraordinário,
original, diferente, inconsequente,
tudo tão perfeito e completo

Que tenho dificuldades de aceitar
esse rumo incerto
que nossa vida tomou,
porque... veja as frases
que sobre mim você ditou:

"Você é a mulher mais sensível que jamais conheci,
é a mulher que me deixa ser eu mesmo,
a mulher que divide comigo seus anseios, seus sonhos
,suas esperanças,
A mulher que sabe ser companheira, cúmplice,
amante e é toda amor
Porque você é assim: calma e agitada,
compreensiva e impulsiva, enfim...
Você me acalma , me rejuvenesce, me faz ficar de bem com a vida ..."
II

Entende, agora a minha situação?
Como conviver com esse conflito
não te ter e te querer
entender que tudo passou?

Complicado, não é meu amor?
Dá vontade de chorar, de suplicar
que você não deixe tudo acabar
Mas, aí , entra o racional

E sou obrigada a entender aquilo que é natural:
Em um dos pontos da estação
Você entrou, ficou, demorou,
me aconchegou em seus braços

Voamos
alto, voamos baixo,
Nossos corpos fizeram vôos razantes!!!!
Viajamos depois para a via láctea
sonhamos tudo o que era inconcebível sonhar

Sentados nas estrelas, vimos o sol raiar
amar a lua, despi-la devagar...
geramos ilusões sem par
e, hoje, penso comigo,
que posso até viver outras emoções
mas de você, meu amor,
vou ter as melhores recordações!

Nós..

Margaret Pelicano