Por  te amar, não tento dominar,

o que se passa em mim.

A pele arrepia, a tez cora,

o coração acelera.

 

Elevo o pensamento.

Sinto-te!

Me envolves.

Com beijos apaixonados,

Toca-me!

Me enlaças,

Me abraças,

Me ergues no colo.

Degustas desse amor, entusiasmado.

 

Rodopio pelo ar...

Ouço-te  me chamar!

Mas é apenas,

A brisa do mar,  que  bate-me!

Neste  encantamento, deixo-me levar.

Sob a luz do sol ou sob os raios do luar,

 

Desejo-te!

Quero-te!

És a brisa que sopra,

o vento que me toca.

És o raio de luar, a me iluminar.

 

Somos a junção,

Fogo e paixão.

Por ti

Vibra meu coração.

Desejo-te!

Quero-te!

Ainda que,

a distância

esteja a nos separar.

 

Me sujeito amor, aos teus encantos,

seja da forma que for.

Vem...

Vem me amar!

 

 

Vanderli Granatto

Entrega