Como se fosse a ultima vez,

como se não houvesse o amanhã,

como se a tua ansiada chegada,

fosse tambem a nossa despedida.

 

Como se a vida estivesse por um fio,

pendurada em nossos loucos sonhos,

pois a cada instante que passa,

aumentam as saudades e a distância.

 

Deixemos o mundo todo lá fora,

nada mais importa, apenas o amor,

abrindo todas as suas comportas.

 

Abraça-me forte e não pensemos mais!

Deixemos fluir este imenso caudal,

de amorosas utopias em tempo real.

 

 

Guida Linhares

 

 

 

 

ABRAÇA-ME !