Me dispo em frente ao espelho

Mostro todas as cicatrizes da minha alma

Procuro seu rosto iluminado e não o vejo

O rosto que tanto me acalma

 

Procuro e não encontro nada

Cade meu sorriso, minha felicidade

Vejo uma mulher triste e abandonada

Sem brilho no olhar cheia de ansiedade

 

Ah! espelho da saudade

Quem nesse momento rouba meus desejos?

Deixando-me nesta infelidade

Temo nunca mais lhe encontrar...

 

Há em mim um imenso vazio

Essa imagem não tem mais nexo

Farei das minhas lágrimas um rio

Você não existe mais em meu reflexo...

 

 Sandra Galante

 

 

Espelho...